<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=184990051839905&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">
Linha Sommelier

3 Erros mais comuns ao comprar uma adega

Então, você resolveu comprar sua primeira adega climatizada? Bem, tome muito cuidado, pois se você cometer alguns erros ao comprar uma adega, sua experiência com a adega dos sonhos pode se tornar um pesadelo!

Melhor não arriscar, não acha? Pensando nisso, eu separei alguns erros que são cometidos com frequência por quem está escolhendo sua primeira adega, e como evitá-los. Espero que te ajude!!

1. Comprar uma adega pequena demais

Não se engane com o tamanho da sua primeira adega – ela faz toda a diferença mesmo no começo da sua jornada pelo mundo dos vinhos. É bastante comum encontrar enófilos que começaram a sua coleção pensando de forma mais conservadora e optaram pela compra de uma adega pequena, com capacidade para seis ou oito garrafas.

Erro crasso! Isso porque o cálculo que os compradores fazem ao optar por este tipo de adega é baseado na quantidade de vinhos que eles possuem atualmente. E como a coleção de rótulo tende a aumentar rapidamente, especialmente com vinhos de guarda, em menos de dois anos a adega já se torna pequena demais.

É preciso pensar que existem vinhos de guarda longa e aqueles que devem ser consumidos em poucos anos. Então, se você tem o costume de comprar vinhos para deixá-los envelhecer, considere que os espaços dessas garrafas serão ocupados por um bom tempo.

A dica para fazer um cálculo mais assertivo é calcular o seu consumo e volume de compra. Pense um pouco além de suas necessidades imediatas, projetando-se para um futuro próximo. Por exemplo, se você consome uma garrafa por semana e compra seis por mês, ao final de um ano deve ter capacidade para armazenar 24 garrafas.

2. Não deixar o espaço necessário para a adega "respirar"

Depois de escolher uma adega climatizada, outro erro muito comum é instalar o equipamento em um lugar sem reservar um espaço para ventilação. Quando a adega não é embutida, é necessário deixar distâncias mínimas de seis a oito centímetros nas laterais e no topo do aparelho.

A falta desse espaço para que o ar circule adequadamente no entorno pode comprometer o funcionamento da adega, consumir mais energia e até mesmo causar avarias. E seus vinhos não vão gostar nada disso, acredite!

as adegas de embutir são diferentes – elas não precisam desse espaço todo no entorno, já que elas são desenvolvidas especialmente para instalações em locais pequenos ou espaços fechados. Com isso, elas precisam de um espaço de apenas um centímetro entre as paredes que a envolvem para “respirar”.

3. Levar em consideração apenas o preço

Por fim, um dos mais perigosos erros que observamos no mercado é escolher uma adega climatizada com base somente no preço do produto.

Essa atitude pode ser catastrófica, já que são vários fatores que precisam ser levados em consideração na hora de investir na realização do sonho de ter uma adega.

Lembre-se de que uma adega de qualidade vai acompanhá-lo por muitos anos. Por isso, é preciso escolher com todo o cuidado – e o preço não pode ser o único fator de decisão. Já diz o ditado: o barato pode sair caro!

Melhor não arriscar, já que, se a adega apresentar problemas, os rótulos armazenados podem sofrer as drásticas consequências e terem seu sabor prejudicado!

Esses são os erros mais comuns ao comprar uma adega, mas ainda há vários outros detalhes que você precisa levar em consideração na hora de realizar o seu sonho. Faça o download do nosso e-book “Comprar adega de vinhos: tudo que você precisa saber” e confira dicas preciosas para você acertar em cheio na hora de realizar o seu sonho.

Você não vê a hora de comprar a adega dos seus sonhos, mas ainda tem dúvidas? Os especialistas da Art des Caves podem auxiliá-lo nessa tomada de decisão! Fale conosco! Deixe a sua mensagem!

Escrito por Rafaela Vidigal

Rafaela Vidigal, formada em administração, integra desde 2007 a equipe da Art des Caves. Atualmente vem descobrindo os encantos do marketing. Adora cantar no carro ­(mesmo cantando muito mal), ama comer, beber bons vinhos e dar boas risadas. Acredita que toda garrafa vazia está cheia de boas histórias!

New call-to-action
Comentários:
0