<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=184990051839905&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

Top of Mind no Brasil em Adegas e Climatização

6 pratos à base de vinho tinto para um jantar romântico

Publicado por Rafaela Vidigal em 9/jun/2015 12:53:00

6-pratos-a-base-de-vinho-tinto-para-um-jantar-romantico

Todos sabemos que o consumo de vinho tinto no Brasil está cada vez mais em alta. Para combinar todo o sabor dessa bebida com um jantar romântico, que tal aprender algumas receitas de pratos à base de vinho tinto? Seja um prato com carne vermelha, seja para a confecção de molhos mais elaborados, o vinho tinto é receita de sucesso para seu jantar a dois. Venha ver como impressionar o seu amor com pratos deliciosos! Vem aprender:

Codorna recheada ao molho de vinho tinto

codorna-recheada-ao-molho-de-vinho-tinto

A carne de codorna pode até parecer delicada demais para cozinheiros iniciantes, mas qualquer pessoa pode prepará-la. Incialmente, devem ser refogados em azeite extra virgem, o cebola, alho, louro e alecrim. Para fazer o molho, acrescente, em partes iguais, um copo de vinho americano de vinho tinto e suco de uva (integral), bem como uma colher de vinagre balsâmico. Antes de servir o molho junto com as codornas, acrescente manteiga e amido de milho para engrossar sua textura.

Em outra panela, ferva leite com cebola, alho, sal e salsa. A essa mistura, deve-se adicionar a 250g de carne de codorna já desossada e processada (na textura de uma pasta/patê). Acrescente um pouco de cachaça, dois ovos e bata novamente. Esse será o recheio de duas codornas desossadas, que devem ser salpicadas com azeite e levadas ao forno por 25 minutos, a 180ºC. Depois, é só servir com o molho!

Vinho indicado: Pinna Fidelis Crianza Tempranillo

O Pinna Fidelis Crianza possui características clássicas da região da Ribera del Duero na Espanha, mostrando-se muito persistente e com grande complexidade aromática. Sem dúvida um vinho para nunca esquecer!

 

Ensopado de carne ao vinho tinto (Boeuf Bourguignon)

ensopado-de-carne-ao-vinho-tinto-Boeuf-Bourguignon

Essa tradicional receita francesa transforma o músculo de boi, em carne com textura delicada e gosto sofisticado. Cubos de carne devem ser marinados em vinho tinto seco por, pelo menos, duas horas antes de serem refogados com cebolas, salsão, cenouras, louro e azeite.

A ideia é adicionar bastante água para prolongar o cozimento, que deve durar pelo menos uma hora e meia, em fogo baixo. É justamente esse o segredo para deixar a carne com textura macia e o molho mais grosso. Pimenta do reino, alecrim, sal e manteiga dão o toque final ao prato. Sirva esse ensopado com cogumelos frescos e uma taça de Tempranillo como acompanhamento.

Vinho indicado: Malco Cabernet Sauvignon Gran Reserva

O chileno Malco Cabernet Sauvignon Gran Reserva é encorpado com taninos firmes e de alta qualidade, assim como notas de cerejas e caramelo no final. Uma agradável escolha vinda do Vale do Curicó!

 

Lagarto no forno ao molho de vinho

lagarto-no-forno-ao-molho-de-vinho

A carne de lagarto, para que ela tenha melhor cozimento, deve ter toda a sua peça furada por uma faca pequena, após, ser regada com uma mistura de alho, vinagre balsâmico e sal. Após marinar durante duas horas, sele a carne rapidamente em uma frigideira quente.

Separe os bifes e, na mesma frigideira, misture cebolas picadas em cubos, vinho a gosto e um pouco de sal. Esse molho deve regar os bifes de lagarto antes que eles sejam levados ao forno por 50 minutos, em temperatura média e cobertos por papel alumínio. Vire a carne ocasionalmente e não deixe o molho secar, acrescendo mais vinho durante o cozimento.

Vinho indicado: Malco Carménère Reserve 2011

Clima mediterrâneo, caracterizado por grandes diferenças de temperatura durante o dia e à noite, o Malco Carménère Reserve possui um visual vermelho rubi intenso com aroma de framboesa, menta, chocolate com um leve toque tostado de baunilha. Encorpado e com taninos de alta qualidade com ótimo frescor e equilíbrio. Uma experiência especial a dois.

Talharim com cubos de carne grelhados

talharim-com-cubos-de-carne-grelhados

Para essa receita, você pode usar qualquer tipo de carne, mas recomendamos a alcatra cortada em cubos, refogada no azeite com cebola, alho e cenoura. Polvilhe a mistura com farinha e um pouco de açúcar para deixá-la mais dourada. Acrescente molho de tomate, caldo de carne, vinho e ervas finas (noz moscada e manjerona são boas opções). Depois de mais ou menos uma hora de cozimento em fogo baixo, servir sobre o talharim fresco e cozido, salpicado com queijo parmesão.

Vinho indicado: Pinna Fidelis Crianza Tempranillo

Pinna Fidelis Crianza possui características clássicas da região da Ribera del Duero na Espanha, mostrando-se muito persistente e com grande complexidade aromática. Sem dúvida um vinho para nunca esquecer!

Risoto ao vinho tinto

risoto-ao-vinho-tinto

Em dias frios, nada melhor que um risoto acompanhado de vinho tinto, correto? Para começar o preparo desse risoto, basta refogar uma cebola com manteiga, acrescentar o arroz e deixar fritar com uma mistura de meia cebola, 4 dentes de alho picado e 1 colher de manteiga até que o arroz fique dourado. Acrescente vinho tinto seco (meia garrafa para cada duas xícaras de arroz) e mexa até que o líquido evapore por completo. Acrescente um copo de água, sal, e quatro colheres de parmesão ralado. Mexa por dez minutos, pelo menos, acrescentando água, se necessário. Desligue e deixe a mistura descansar por cinco minutos antes de servir.

Vinho indicado: Malco Cabernet Sauvignon Gran Reserva

O chileno Malco Cabernet Sauvignon Gran Reserva é encorpado com taninos firmes e de alta qualidade, assim como notas de cerejas e caramelo no final. Uma agradável escolha vinda do Vale do Curicó!

Costelas assadas com molho de vinho

costelas-assadas-com-molho-de-vinho

Para começar o preparo desse prato, deixe o forno preaquecido a 180ºC. Misture 2 cebolas, 3 cenouras, 3 dentes de alho, 4 talos de aipo, alecrim, 1 tomilho,  anis-estrelado, um pau de canela e óleo em uma vasilha. Em uma frigideira, prepare as costelas com sal grosso e farinha de trigo polvilhada, sob uma camada de óleo e em fogo alto, por três minutos de cada lado. Acrescente às costelas, os vegetais e ervas separados inicialmente, mexendo bem.

Regue com vinho tinto a gosto, acrescentando água para cobrir a carne. Sobre a mistura, polvilhe cacau em pó e açúcar mascavo, e deixe ferver. Leve essa mistura ao forno por três horas em fogo baixo para a carne ficar macia.

Vinho indicado: Malco Carménère Reserve 2011

Clima mediterrâneo, caracterizado por grandes diferenças de temperatura durante o dia e à noite, o Malco Carménère Reserve possui um visual vermelho rubi intenso com aroma de framboesa, menta, chocolate com um leve toque tostado de baunilha. Encorpado e com taninos de alta qualidade com ótimo frescor e equilíbrio. Uma experiência especial a dois.

O que achou dessas receitas? Que tal experimentar uma delas em seu próximo jantar romântico? Conte para nós o que achou destas sugestões! Tem outras dicas de receitas com vinho tinto? Deixe aqui nos comentários e venha participar da conversa! 

Comprar vinhos

Categorias: Vinhos, receita

Escrito por Rafaela Vidigal

Rafaela Vidigal, formada em administração, integra há 9 anos a equipe da Art des Caves. Atualmente vem descobrindo os encantos do marketing. Adora cantar no carro ­(mesmo cantando muito mal), ama comer, beber bons vinhos e dar boas risadas. Acredita que toda garrafa vazia está cheia de boas histórias!


Tabela Comparativa de Adegas Art des Caves

Últimas notícias

Adega Climatizada Petit 14

Receba nossas notícias!